Logo
Blog do PCO

O lobo-guará vai se aposentar

O ministro da Economia, Paulo Guedes, surpreendeu os membros da comissão mista do Congresso que acompanha os gastos do governo com medicamentos durante a pandemia do novo coronavirus, ao admitir nesta quinta-feira (29) que a criação da nota de R$ 200 ocorreu na contramão do que os outros países vem fazendo e que ela terá pouca duração no Brasil. A nota foi lançada oficialmente pelo Banco Central no país a pouco menos de dois meses. “Criamos nota de R$ 200 com lobo-guará porque tínhamos um problema de logística para pagarmos o auxílio emergencial. Com o PIX (sistema de pagamentos instantâneos do BC), o futuro é menos dinheiro na mão e notas mais simples. No futuro vai acabar o lobo-guará, a nota de R$ 200, de R$ 100. Já, já o lobo-guará vai se aposentar, terá uma carreira curta”, afirmou Guedes (foto) na audiência.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *