Logo
Blog do PCO

Jogo Aberto

*Nesta terça-feira (24), o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luís Roberto Barroso (foto), divulgou um vídeo em suas redes sociais para chamar atenção para um problema que vem ocorrendo nas eleições 2020: a violência por motivação política. Segundo o ministro, os crimes eleitorais, como boca de urna e compra de votos, diminuíram, mas tentativas de homicídio e ameaças a candidatos aumentaram. Foram 264 atentados contra candidato até agora. Depois de afirmar que “a violência é incompatível com a democracia”, Barroso chamou a atenção para um tipo de violência que merece destaque: a violência de gênero contra mulheres. “Esse tipo de agressão às mulheres, física ou moral, é pior do que machismo, é covardia.”, afirmou o presidente do TSE.

*A 2.ª Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu ontem que as ações penais que começaram a ser julgadas pelas turmas, tendo recebido pelo menos um voto na turma, deverão terminar nelas. Ou seja, não serão decididas no Plenário da Corte. Em outubro, o presidente do Supremo, ministro Luiz Fux, decidiu que ações penais e inquéritos seriam analisados pelo Plenário, com os 11 ministros. Com a atual mudança de entendimento da 2.ª Turma, os cinco ministros que formam cada colegiado voltam a ser responsáveis pelos julgamentos.

*Deputados estaduais do Rio de Janeiro aprovaram uma lei que estipula a obrigatoriedade de hospitais e maternidades divulgarem o direito da mulher em trabalho de parto ser acompanhada de doula. O texto da Lei 4275/18 foi aprovado na última semana e seguiu para sanção ou veto do governador em exercício, Cláudio Castro (PSC). Em Belo Horizonte, projeto semelhante, de autoria do vereador Gilson Reis (PCdoB) vem sendo discutido na Câmara Municipal desde 2013 e, à época, o então prefeito Marcio Lacerda chegou a vetar a proposição de Lei, mas ela retornou ao Executivo Municipal.

*Na abertura da Expo & Congresso Brasileiro de Mineração 2020 Exposibram, nesta terça-feira, o Ibram – Instituto Brasileiro da Mineração anunciou uma nova logomarca. Mais do que uma alteração estética, a nova marca chega para consolidar uma mudança na estruturação no IBRAM. Segundo o presidente do Conselho Diretor do Ibram, Wilson Brumer, a nova identidade visual “enfatiza a construção de um relacionamento mais próximo e sólido, de intensa troca de informações e de conhecimento com outros atores, como a Academia e os jovens. O IBRAM quer atrair para o setor mineral o interesse dos jovens em seguir carreira na mineração brasileira e, por meio deles, incentivar a inovação em vários aspectos do setor mineral”. O símbolo da marca do IBRAM é o “M” da nova Mineração do Brasil.

*Os “bolsonaristas” não vão precisar de pesquisar muito sobre o que dar de presente neste Natal. Vem aí o Il Mito, um vinho que a vinícola chilena Bodegas y Viñedo De Aguirre está lançando em homenagem ao presidente Jair Bolsonaro. A bebida terá duas versões, vinho tinto e espumante, que já estão disponíveis para venda na internet.

*A Universidade de Cambridge declarou nesta terça-feira que dois cadernos de anotações desaparecidos há quase 20 anos de Charles Darwin, naturalista inglês que elaborou a Teoria da Evolução e autor da Origem das Espécies”, agora são considerados “roubados”. Um dos cadernos até então tido como “desaparecidos” contém o esboço da “Árvore da Vida”. Um dos pilares da teoria da origem das espécies por seleção desenvolvida por Darwin.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *