Logo
Blog do PCO

Um político que foi um exemplo

Aos 96 anos deixou-nos ontem o ex-governador Francelino Pereira, um político que marcou época pela sua correção e dignidade, como não se vê mais na atividade política. Durante toda a vida pública, e foram muitos anos, Francelino um ícone na política brasileira por uma virtude que deveria ser de todos: era honesto. Em sua vida, não interessando o cargo que ocupasse, foi um homem ameno e atencioso com todos. Quando governador, Francelino foi um marco e deixou um legado para a classe política, não apenas mineira, mas a brasileira, de transparência e zelo como a coisa pública. Seu governo foi correto sob todos os aspectos. Tive uma passagem interessante com Francelino governador. Dei uma nota em minha coluna, informando que o governo de Minas – por absoluta necessidade – estava negociando um jato Citation, usado da Mendes Júnior. A nota foi publicada no extinto Diário da Tarde. No mesmo dia ele mandou suspender a negociação para que ninguém achasse que estaria beneficiando uma empresa. No ano seguinte, Francelino convidou-me para ir com ele à entrega do Prêmio Tendência, do Grupo Manchete. Fomos no Xingu que o governo usava. Na volta o avião teve uma pane e quase caímos no mar, saindo do Santos Dumont. Quando descíamos, disse a Francelino que o governo deveria ter um jatinho. Ele foi rápido: o governo não comprou o jato da Mendes Júnior por causa de sua notícia. Aí fretou um jato da Lider e chegamos a BH. Este era Francelino. A última vez que estive com ele foi na Klus, fazendo comprinhas com o Salvador Ohana. Seria tão bom se a nossa política fosse feita por políticos como Francelino Pereira, homem de uma retidão exemplar. À sua mulher Latife e a seus filhos, o meu abraço de solidariedade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *