Logo
Blog do PCO

Ministro admite que 2015 começará com inflação mais alta

Levy comentou que a inflação de 2014 de 6,41%, divulgada pelo IBGE, ficou dentro do combinado, “apesar de todos os desafios”. A inflação em janeiro deve ser um pouco mais alta do que de outros meses do ano, em função dos reajustes das mensalidades escolares, IPTU, tarifas de ônibus, entre outras, informou o ministro. “Além disso, para a economia voltar a crescer, temos que fazer algumas arrumações e isso pode mexer em alguns preços. Os economistas chamam isso de mudança nos preços relativos e ela é importante para acomodar a economia em um novo caminho de crescimento”, defendeu. É esperada a alta no preço da energia elétrica, por exemplo, que foi represado por muito tempo pelo governo para conter a alta da inflação. Levy afirmou que, se o governo “não gastar demais”, a inflação pode se encaixar no centro da meta estabelecida pelo governo, que é de 4,5% ao ano, em 2016.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *