Logo
Blog do PCO

FHC solta o verbo I

Durante a convenção nacional do PSDB desse domingo (5), em Brasília, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (FHC) (foto) soltou o verbo em seu discurso, dizendo textualmente: “Precisamos ir até o fim para que o Brasil seja passado a limpo…”, numa clara referência aos escândalos da era PT. Também em sua fala, afirmou categoricamente que “o rumo foi perdido” e que “o Brasil foi quebrado pelo PT, pelo lulopetismo”. Foi aplaudido de pé. Sem fazer qualquer alusão a um possível impeachment, Fernando Henrique Cardoso, em mensagem cifrada, ainda declarou: estamos prontos.

 

FHC solta o verbo II

Criticando o voto de parlamentares do PSDB ao fim do fator previdenciário, criado em seu governo, e ao aumento do Judiciário, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso disse que nada justifica arruinar ainda mais o futuro, votando pela derrubada do fator previdenciário. “Nada explica apoiar aumentos de gasto que no futuro serão pagos com mais impostos, mais inflação e mais ajustes. FHC enfatizou que é preciso mostrar no dia a dia, e não só no Congresso, que o sofrimento da população é consequência da ação desatinada dos governos de Lula e Dilma.

 

Alckmin também bate firme

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), bateu duro no PT, ao criticar o atual cenário econômico do País: “Governar é escolher, e ficou claro que o PT não gosta dos pobres, do social. Gosta do poder, a qualquer preço. Esta é a realidade”, disse na convenção. O tucano ao se referir ao ex-presidente Lula, disse que ele “quer pôr seus próprios erros nos ombros do povo”.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *