Logo
Blog do PCO

Flávio Dino no STF

Caso o nome do ministro da Justiça, Flávio Dino (foto/reprodução internet), seja aprovado para ocupar uma cadeira no STF (Supremo Tribunal Federal), ele será o quinto ministro negro a compor a Suprema Corte. Ele se autodeclara pardo. Criado em 1891, o STF teve apenas 4 ministros negros entre os 170 que já passaram pela corte. São eles: Pedro Lessa, Hermenegildo de Barros, Joaquim Barbosa e Kassio Nunes Marques. Nenhuma mulher negra foi ministra até agora. Flávio Dino mudou a autodeclaração de branco, em 2014, para pardo, a partir das eleições de 2018, quando foi eleito governador do Maranhão. A composição completa do STF é de 11 magistrados, dos quais há apenas uma mulher (Cármen Lúcia) e, com a confirmação de Dino, haverá dois homens negros (além dele, Kassio).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *