Logo
Blog do PCO

Governo muda o 21 de abril. Povo pediu praça livre

Atendendo a pedidos da população local, o Governo de Minas Gerais realizará, neste ano, a solenidade do dia 21 de abril, em Ouro Preto, em dois momentos distintos. Como em outros anos, o Cerimonial Oficial de Tiros, Hasteamento da Bandeira e Colocação de Flores no Monumento ao Mártir da Inconfidência Mineira, será realizado na Praça Tiradentes. A entrega da Medalha da Inconfidência, no entanto, que exige mais estrutura e tem maior impacto no dia-a-dia dos ouro-pretanos, ocorrerá no Centro de Artes e Convenções da Universidade Federal de Ouro Preto (Ufop). Com a mudança, a cerimônia, que é realizada na Praça desde os anos 1950, irá durar, entre preparativos e solenidade, menos de 24 horas. Em anos anteriores, o local chegou a ficar fechado por mais de 10 dias. A demanda partiu de lideranças políticas, comerciantes e moradores, afetados pela realização do evento, e foi encaminhada ao governo por meio de ofício. Antes de ajustar o formato do evento, o governo consultou a Prefeitura de Ouro Preto e associações de moradores e de comerciantes da cidade. A manutenção, no entanto, de parte da solenidade na Praça visa à preservar as tradições da entrega da maior honraria concedida pelo Estado de Minas Gerais, criada pela Lei nº 882, de 28 de julho de 1952, no governo de Juscelino Kubitschek. O Conselho da Medalha da Inconfidência está fechando a lista de homenageados, que deve ser publicada nos próximos dias. O orador oficial ainda não está definido. As especulações são de que a ex-presidente Dilma (foto), que disputará o Senado pelo PT de Minas, é a escolhida pelo governador Pimentel.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *