Logo
Blog do PCO

Greve dos caminhoneiros

A possibilidade de greve dos caminhoneiros, que já era alta depois do aumento dos preços dos combustíveis, segundo as lideranças da categoria, ganhou mais força no nesta semana. Tentando reagir ao reajuste de preços da Petrobras (PETR4), o presidente Jair Bolsonaro propôs uma CPI para investigar executivos da companhia. Depois disso, o presidente da petrolífera, José Mauro Coelho, anunciou sua renúncia ao cargo. “O que importa é que o país vai parar naturalmente, por não ter mais condições de rodar”, diz o presidente da Associação Brasileira de Condutores de Veículos Automotores (Abrava), Wallace Landim (foto), conhecido como “Chorão”. Para ele, o governo federal tem adotado medidas sem eficácia, apenas norteado por interesses eleitorais. 

Conversa mole para boi dormir Até as emas do Alvorada sabem: não vai haver CPI nenhuma. Materializada, a ideia de Bolsonaro e Lira, não será apenas um tiro no pé do presidente e de seus aliados. Pode virar uma bomba atômica, que não vai levar apenas o presidente e seus aliados – será uma bomba atômica que poderá desintegrá-los de vez em 2 de outubro. (Foto reprodução internet) 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *