Logo
Blog do PCO

Ministro Gilmar Mendes engrossa o tom das críticas a Janot

Pelo andar da carruagem, aconselha-se aos menos desavisados não convidarem para a mesma mesa o ministro Gilmar Mendes, do supremo Tribunal Federal, e o procurador-geral da República, Rodrigo Janot (foto). O ministro Gilmar Mendes, disse nesta segunda-feira, que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, é o mais “desqualificado” que já passou pela Procuradoria-Geral da República (PGR). Em entrevista à Rádio Gaúcha, Mendes disse também que certamente o STF vai reavaliar o acordo de colaboração premiada firmado pela PGR com os irmãos Joesley e Wesley Batista, do grupo J&F. “Quanto a Janot, eu o considero o procurador-geral mais desqualificado que já passou pela história da Procuradoria. Porque ele não tem condições, na verdade ele não tem preparo jurídico nem emocional para dirigir algum órgão dessa importância”, disse o ministro à “Rádio Gaúcha”. Em nota, a Associação Nacional dos Procuradores da República (ANPR) repudiou as declarações de Gilmar Mendes (foto), considerando “deplorável” que um ministro do STF se esqueça reiteradamente de sua posição para tomar posições políticas (muito próximas da política partidária) e ignore o respeito que tem de existir entre as instituições, para atacar em termos pessoais o chefe do Ministério Público”.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *