Logo
Blog do PCO

Jogo Aberto

*Em meio aos desdobramentos da Operação Skala, que levou à prisão pessoas de seu convívio pessoal, o presidente Michel Temer decidiu nesse sábado pela ida de Dyogo Oliveira (foto), atual ministro do Planejamento, para a presidência do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES). Ele pretende deixar no posto seu atual secretário executivo, Esteves Colnago. Dessa forma, haveria continuidade na atuação da pasta, tal como vai ocorrer na Fazenda, onde Henrique Meirelles será substituído pelo atual número dois, Eduardo Guardia.

 

*A Procuradoria-Geral da República pediu nesse sábado, em recurso enviado ao Supremo Tribunal Federal (STF), a anulação da liminar que suspendeu a inelegibilidade do ex-senador Demóstenes Torres e permitiu que ele concorra nas próximas eleições, marcadas para outubro deste ano. A liminar foi concedida pelo ministro Dias Toffoli, do STF, na última terça-feira (27). O mérito do pedido ainda terá de ser analisado pela Segunda Turma do STF, composta por cinco ministros, mas ainda não há data para esse julgamento.

 

*Bonecos dos ministros Gilmar Mendes, Ricardo Lewandowski e Dias Toffoli foram usados na malhação de Judas, ontem, em várias partes do país. Os bonecos foram surrados e depois queimados. As cenas foram parar nas redes sociais e geraram vários comentários nada elogiosos aos ministros, que iniciam a semana enfrentando manifestações contra o habeas corpus do ex-presidente Lula para que ele não seja preso.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *