Logo
Blog do PCO

Um ponto de equilíbrio entre baixo peso e obesidade infantil

Os indicadores sobre alimentação adequada evidenciam os avanços do Brasil na superação do baixo peso infantil como um problema de saúde pública. No entanto alertam para o alto percentual de crianças e adolescentes com sobrepeso e obesidade. De acordo com os dados do governo, somente 1,9% das pessoas com menos de cinco anos apresentam baixo peso, resultado das políticas de acesso aos serviços de saúde e de erradicação da miséria e do quadro de insegurança alimentar no país. Em contrapartida, constatou-se que 7,3% das crianças nessa faixa etária estão com excesso de peso. Segundo a ministra, da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República (SDH/PR), Ideli Salvatti (foto), a questão do excesso de peso é preocupante porque percebe-se um crescimento do número de brasileiros com sobrepeso e obesidade em todas as regiões do país e em todas as faixas etárias. Entre 5 e 9 anos, o percentual de crianças com excesso de peso chega a 33,5%. Na adolescência, o quantitativo é de 20,5%.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *